quinta-feira, 20 de novembro de 2008

\o/

Caracaaaaaaaaaaaaaaaaaa....
Não...sem explicação o tanto que foi bom lá em Floriano!!!
Na sexta não foi bom não porque eu não tava me sentindo bem, só pensando no lance chato com Ian, só tentando imaginar onde ele tava...aff, horrível! Me sentia pior toda hora que pensava nele, se eu continuasse daquele jeito não ía aproveitar nada! Mas a sexta-feira já tava perdida mesmo. Eu queria era ir pra casa pra ver se tinha alguma ligação dele no cel ou uma msg, mas não tinha nada...
Até parece que ele lá em Fortaleza ía ligar pra mim. Sonha Alice.
Mas o sábado eu não queria nem saber...ía ser pra aproveitar e pra esquecer dele. Não deu outra! Pra vocês terem uma idéia de como eu aproveitei eu dancei forró (coisa que eu não sei e nunca faço), não bebi nada (coisa que eu faço!), quase não lembrei do Ian (eu lembrava, pq enfim o povo perguntava por ele toda hora, eu me sentia meio que "desprotegida" sem ele, algumas músicas, o Max querendo ser livre, o povo imitando a dancinha que ele faz, labios divididos...huahauahuahua) e quando lembrava tratava logo de esquecer...
Nossa dancei até raiar o dia!
Helga? Tô me escondendo de ti viu...bigodinho!
Carol? Tu veio com a mesma blusa de ontem foi?
Rum...óia André...o Max só quer ser livre igual ao Ian!!
Foi bom demais gente!
Mas, só durou uma noite! Voltei pra Teresina no dia seguinte...
Cheguei aqui...a tristeza já veio atrás. Só aquelas conversas rápidas e magoadas.
E o domingo foi passando triste e impaciente.
Na segunda-feira morri pela nunseiláoquegésima vez. As notícias me entraram nos ouvidos como se explodissem tudo que havia dentro de mim.
Como o ciúme dói...machuca mesmo.
Conversa vai, briga vem, ciúme estampado na cara, não sei quem tantava magoar mais.
Acabou? Graças...rezei tanto pra isso passar e a gente se entender e finalmente minhas preces foram ouvidas!

Um comentário:

Thyago David. disse...

Ow.. tudo muito bom em floriano.
Emoções fortes.


kkkkk

Beijos.